A ti.

Devolveste-me a mim mesma,
Quando tudo o que pensava,
Era que me tinhas devolvido á minha solidão…
Hoje entendo cada palavra,
Cada frase, cada gesto…
Tudo o que fizeste foi só e apenas
Devolver-me a minha alma…
Tentei fazer-te acreditar
Que dentro de mim existia alguém
Que tu querias que eu fosse
Que eu queria ser
Mas que hoje percebo que não estou preparada para ser…
Não consegui ser essa pessoa,
Mas todos os dias me torno mais eu…
Graças a muitas palavras tuas,
A muitas conversas tardias,
A muitas noites não dormidas
E muitas loucuras cometidas…
Hoje não te quero lembrar como alguém que foste
Mas sim como alguém que és,
Pois mostraste-me um mundo que eu não conhecia,
Disseste-me coisas que me doeram
Mas que hoje entendo…
Coisas que me marcaram
E que de certa forma fazem de mim o que sou hoje…
Perdão não te peço pois é algo que mereces de coraçao e não por um texto que tardei em escrever…
Será no dia que me disseste…
Naquele dia em que eu serei uma mulher,
No dia que todas as minhas palavras façam sentido,
No dia que a vontade de te falar seja maior que a minha vontade de ser…
Ainda não sou, nem tenho palavras para aquilo que mereces ouvir…
Mas um dia vou ser, todos os dias me esforço para o ser…
Podes não saber mas eu preciso que saibas,
Não para te atormentar, mas sim sossegar…
Foste grande força na minha vida, e por mais tempo que passe,
Por mais distância que fique,
Por mais palavras que fiquem por dizer,
Tu terás sempre o teu papel em mim…a tua marca…a tua experiência de vida agora cresce em mim…
Recordo-te com um sorriso pois sei que mesmo cada um no seu caminho, as nossas estradas cruzaram-se quando teve de ser,
E agradeço por cada passo caminhado…
Pois hoje o meu caminho é cada dia mais iluminado…
Não por ti, mas sempre contigo…
Devolveste-me, e eu encontrei-me…

Obrigada.

Advertisements

Sorri *

Onde há sorrisos,

Nem sempre há alegria,

Tantos sorrisos falsos,

Sorrisos forçados,

Sorrisos tapados de dor…

Alguns tão bem treinados

Que são capazes de confundir…

Sorrir é de graça

Mas um sorriso verdadeiro não tem preço,

Por isso sorri quando tens vontade,

E não só por boa educação…

Sorri para quem te ama,

Sorri para quem te quer ver sorrir,

Para quem se esforça para arrancar esse sorriso,

Não sorrias para quem te sorri por favor

Nem mesmo por cortesia,

Sorri para a vida, sorri para ti…

Porque quando toda a gente perder a vontade de sorrir

Só tu e aqueles que te querem de verdade

É que se vão dar conta da falta que esse sorriso faz…

Por isso sorri, e sorri,

Porque quando essas curvas se formam o dia ilumina-se para alguém

Por mais que não seja, para ti…

Sorri,

Por ti, para ti…para mim.