Quero ter*

Gostava de conseguir descrever o que sinto por ti,

De encontrar as palavras, e fazer-te um texto simples mas completo,

Mas não consigo.

Queria conseguir abraçar-te com a força do meu sentimento por ti,

Mas não consigo, não existe força humana que o transmita.

Gostava que soubesses o frio na barriga que sinto,

De cada vez que me desdenhas.

Como gelo por dentro cada vez que me deixas.

Deixas-me mais vezes do que aquelas que eu gostava que ficasses.

São mais as saudades que as oportunidades de mostrar-te o que és,

O quanto és para mim.

O quanto te quero.

O quanto preciso de ti.

Era mais fácil se aqui estivesses, e com o teu sorriso rompesses o silêncio,

E com o teu abraço segurasses todas as minhas peças soltas.

Anseio o teu beijo, só ele me aquece.

Gostava de conseguir fazer-te ver, o quanto és importante.

Era bom, se soubesses a falta que me fazes.

Quero-te aqui, nos meus braços.

O calor do teu corpo inquieta-me,

Mas mesmo assim.

Vou lutar todos os dias, para que vejas.

Para que me vejas.

Para que sintas.

Para que saibas.

Que tudo o que és, eu quero ter.

Advertisements

Obrigada

Para ti, hoje só tenho uma palavra: Obrigada.
Obrigada por seres um amigo, por seres tudo o que espero num homem.
Por seres aquele que mais preciso, por seres a companhia que desejo, por seres aquele que me aquece nas noites frias.
Por seres a voz que me alegra o dia, por seres companheiro, por seres divertido, por cuidares de mim e me fazeres sentir segura.
Por seres aquele que me diz todas as verdades, aquele que me faz rir quando estou aborrecida.
Por nunca me deixares sozinha.
Por estares sempre lá quando preciso.
Por me ajudares a crescer.
Por seres quem és.
Por gostares de mim pelo que sou.
Por me respeitares.
Por me fazeres sentir linda sempre que olhas para mim.
Por me fazeres feliz.
Por teres orgulho em mim, por seres o meu orgulho.
Por tudo e mais alguma coisa.
Obrigada.